Histórico

Estamos aqui para vos apresentar o MOINHO SANTA CÂNDIDA, como nossa casa de eventos, e como um desenvolvimento do Bairro Santa Cândida.

Como parte da antiga fazenda Santa Cândida, este antigo espaço já fora tulha de café, nos fins do século XIX e após 1930 transformara-se em um local para ordenha cuja exploração durou até 1980

Em 1932, o antigo proprietário José de Rezende Meirelles (Bisavô da Thais Meirelles que hoje realiza eventos na casa), fez uma represa sobre o Rio Capivari para colocar uma pequena hidrelétrica e canalizou parte da água no rio para acionar uma roda d´água para gerar energia para máquinas ali existentes, inclusive os que hoje se encontram: um moinho de pedra para triturar o milho aqui produzido, e aqueles de fora vinham trocar milho por fubá e um cortador de cana, entre outros. No local que hoje está o estacionamento havia silos para milho.

O prédio que estava com o telhado com boa parte dos caibros de coqueiro de mais de 100 anos, foram substituídos em 1998 por caibros de peroba, mantendo-se a estrutura das grandes tesouras e telhas originais.

O prédio começava assim a ser reestruturado em 1998 com destinação específica, ele se transformaria em um salão de eventos.
No início de 2002 foram contratados um engenheiro e uma arquiteta que orientaram a restauração e decoração e assessoram o Sr. Paulo Meirelles junto com sua filha Thais Meirelles que estudava em São Paulo administração Hoteleira na faculdade Anhembi Morumbi e logo em seguida foi morar no Canadá, onde se preparava para realizar eventos, em especial o casamento.

Às pessoas que nos visitam, queremos passar a sensação de volta ao passado, seus costumes e tradições